Receita identifica fraude de R$ 15 milhões em deduções do IR de despesas com dependentes

A Receita Federal investiga suposta fraude na restituição do imposto de renda que pode somar R$ 15 milhões.

A Receita Federal investiga suposta fraude na restituição do imposto de renda que pode somar R$ 15 milhões. Em nota divulgada nesta segunda-feira (22), o Fisco informou que identificou 1.200 declarações de Imposto de Renda de Pessoa Física com deduções irregulares relacionadas à pensão alimentícia e despesas médicas.

Os indícios de irregularidades foram identificados nas declarações de 550 contribuintes, de 2015 a 2019, todas feitas de um mesmo computador. Os contribuintes notificados afirmam que as deduções indevidas foram inseridas pelo contador contratado sem a autorização deles.

A Receita lembra que os contribuintes suspeitos podem fazer uma correção da situação fiscal, apresentando uma declaração retificadora e pagando as diferenças devidas. Caso contrário, podem ser autuados, pagando multa de até 150% do valor devido, além dos juros. Também poderão sofrer as sanções penais previstas para os crimes contra a ordem tributária.

A investigação vai apurar se os clientes estavam sendo enganados ou induzidos ao erro pelo profissional de contabilidade contratado. A Receita Federal alerta aos contribuintes que desconfiem de pessoas que prometem facilidades para reduzir o valor de imposto a pagar.

 

Fonte: Rádio Agencia Nacional

Comentários