Escritor de Xerém lança seu novo livro na Bienal do Livro

Em sua terceira obra, Francisco de Souza envereda pelo estilo romântico com pitadas de ficção científica

Nascido em Xerém, Francisco de Souza viveu neste distrito de Caxias durante sua infância e juventude. E foi aos 16 anos, no auge de sua adolescência, que nasceu o seu interesse pela escrita através da criação de mensagens, contos, esquetes, peças teatrais e romances de ficção. O lançamento de seu novo livro ‘O Resgate de Bia’ foi nesta quarta-feira, dia 4, das 16h30 às 18h, no Stand Coesão Independente, na Bienal do Livro 2019, no Riocentro.

Francisco de Souza é graduado em Química, porém a escrita é a sua grande paixão. Ele mesmo se define como "químico por profissão e escritor por vocação"; expressando assim o seu reconhecimento por atribuições tão diversificadas. Francisco de Souza já publicou dois livros: Amor e Ódio em Tempos de Ditadura (2015) e De Mãos Dadas com os Anjos (2017).


Nos últimos meses o autor dedicou-se preparação da sua terceira obra, o Resgate de Bia, onde revela a sua versatilidade literária. Com seu novo livro, uma ficção romântica, Francisco pretende aguçar a imaginação dos seus antigos e novos leitores.

O livro conta a história de Leonardo e Beatriz, dois jovens universitários que moram numa pequena cidade chamada Cosmópolis e que tem como elemento principal de sustentação a usina geradora de energia. Nos últimos dias a cidade vem sofrendo com frequentes e misteriosos apagões. Leo e Bia como se conheceram odiando um ao outro, mas com o tempo se apaixonaram intensamente.

Durante uma viagem a uma cidade vizinha chamada Rosário, o jovem casal é abordado por uma nave espacial que abduz Bia, mas não consegue fazer o mesmo com Leo, por um misterioso motivo. Começa então um drama em nome do amor, acompanhado de mistérios, suspense e aventura.
Para conhecer melhor a obra de Francisco e entrar em contato com ele, acesse o linkhttps://www.facebook.com/franciscojosedesouza.josedesouza

Fonte: O Dia

Comentários